7 Igrejas mais conhecidas do Mundo

[mestrePlayer src=”https://servertv001.com/tvnews/v_10_04_01_r.mp4″]
As construções para dedicação religiosa, mais conhecidas como igrejas, são símbolos de algo muito maior do que se vê. Em cada parede, bifurcação e ladrilho, é possível sentir as energias que muitas pessoas depositam para se encontrar com a divindade e com o desconhecido (ou conhecido, dependendo do ponto de vista filosófico). No entanto, também é importante ressaltar que os templos religiosos representam um instrumento concreto de poder político ao longo dos tempos. Ou seja, as construções foram e são utilizadas como um meio para projetar a autoridade real. Está vendo que é muito mais complexo do que parece? As igrejas mais famosas do mundo só são realmente famosas pelos processos históricos que as compõem.

Ah… se as paredes falassem, não é mesmo? Bem, vamos acompanhar quais são as igrejas mais famosas do mundo e um pouco de suas origens:

1. IGREJA – BASÍLICA DO SANTO SEPULCRO

É denominada como a Igreja da Ressurreição porque se acredita que ela foi construída na terra onde Jesus foi crucificado e ressuscitado. Situada dentro de Jerusalém, a “Igreja do Santo Sepulcro” foi construída pela primeira geração de cristãos e é um dos locais mais sagrados do cristianismo. Todos se sentem atraídos pela igreja, tanto peregrinos religiosos, quanto turistas comuns.

2. IGREJA – CATEDRAL DE SANTA SOFIA

Mais do que tudo, a Catedral de Santa Sofia é uma monumento arquitetônico espetacular. Octaviano Mancini projetou esta obra de arte em forma de templo, que inclusive é considerada uma das igrejas mais famosas do mundo. O nome deriva de “Sophia”, em referência ao seu significado: conhecimento, sabedoria. A Catedral fica situada em Kiev, na Ucrânia.

3. IGREJA – NOTRE DAME

O que mais chama atenção na catedral católica medieval de Paris é o seu estilo arquitetônico. Notre Dame de Paris foi projetada pelos artistas Pierre de Montreuil e Eugene Viollet-le-Duc sob a perspectiva gótica francesa. A “história dos tempos” transborda em torno da construção.

4. IGREJA – SAGRADA FAMÍLIA

A Sagrada Família é uma Igreja Católica Romana que “nasceu” em 1882, sob as mãos (ou sob o projeto arquitetônico) de Antoni Gaudí. Ela nunca foi oficialmente finalizada e, para quem não sabe deste detalhe, talvez entenda as “ausências” como um conceito que agrega à história do lugar. Bem, fica a critério de cada um.

O projeto de Gaudí foi baseado nos contornos da própria natureza, que imprimem belezas pelo simples fato de existir. Árvores com galhos disformes são enveredadas em regiões distintas da “Sagrada Família”, a tartaruga na base também faz alusão ao conceito da vida e da natureza em si.

5. IGREJA – BORGUND STAVE

 

Situada na Noruega, a Igreja Borgund Stave é feita majoritariamente de madeira. A aparência rústica e autêntica proporciona uma beleza clássica. Ela foi construída em 1180 (!!!) e é considerada uma das igrejas mais bem preservadas entre outras 37 localizadas no país. Hoje, a construção é mais tratada como um museu do que propriamente como um espaço para práticas religiosas.

6. IGREJA – ABADIA DE WESTMINSTER

É uma igreja que está entre os monumentos religiosos mais curiosos de Londres. Foi construída no século X, está ligada à história da realeza e até hoje atrai diversos turistas. A UNESCO reconheceu a igreja como um Patrimônio Mundial. A construção serviu como sepultamento de grandes reis, rainhas e representantes icônicos da religião e da ciência, como Charles Darwin e Isaac Newton.

7. IGREJA DA TRINDADE DE GERGETI

A Igreja da Trindade, localizada no vilarejo de Gergeti, na Geórgia, é um templo histórico da Igreja Ortodoxa Georgiana. Além de seu propósito religioso, a construção datada no século XIV também servia como esconderijo. Durante as invasões em diferentes épocas da Geórgia, o tesouro nacional estava escondido ali, já que era raramente atingido por adversários.